Home | Fórum | Downloads | Campeonatos | Estratégias Dicas | Jogos Gravados | Tirinhas Memes | Regras | mIRC | Ajuda
     Busca
     Novidades



Olá


Esse é seu IP:
54.226.172.30
Ultilize para jogos on-line.
       Bem Vindo ao Maior Site de Age of Empires II - The Conquerors da História!
Venha jogar on-line com centenas de outros jogadores no mIRC!
Aumentar Tamanho da Letra (+A) | Diminuir Tamanho da Letra (-a) | Padrão (#)
Ir para o final dessa página

| |


Downloads: game completo aqui no site.
Dicas: aplicativo para jogar online.


"Os Espanhóis"

"Aldeões Espanhóis com Loom e Supremacy tem: 80 pontos de vida, Ataque 9, Armadura 3/3."

:::HISTÓRIA:

    A história da Espanha na Idade Média é escrita em três capítulos principais: a criação de Espanha Visigoda, a Espanha muçulmana, e a reconquista da Espanha pelos cristãos.

    A Península Ibérica era um apêndice do Império romano que estava descartado como o império desintegrado porque não podia ser defendido frente a invasões bárbaras que trouxeram devastação às ruas da própria Roma. A península estava em grande parte ocupada por uma migração de um grupo de bárbaros, os Visigodos que tinham vindo recentemente das planícies do sudoeste de Rússia moderna deslocados pelo Hunos. Os Visigodos se tornaram Cristãos e ocuparam o centro da península por vários séculos.

    Quando um dos Lordes Visigodos atraiu os Muçulmanos no Norte da África no 8º século para ajudar contra o rei, a porta foi aberta para expansão muçulmana pelo Estreito de Gibraltar. Dentro de 50 anos os muçulmanos tinham levado a maioria da península, enquanto deixaram só pequenas áreas nas montanhas e no norte sem o controle deles. Muçulmana, ou Moura, a Espanha desenvolveu-se rapidamente em uma das civilizações Européias mais avançadas da Idade Média. Prosperou em relativa paz graças a boa agricultura, comércio, cunhagem, e indústria. Beneficiou-se sobre a maior capacidade de aprender sobre o mundo Muçulmano. Córdoba se tornou a cidade maior e mais sofisticada na Europa depois de Constantinopla, caracterizando uma população de mais de 500,000 pessoas, arquitetura maravilhosa, grandes obras de arte, uma biblioteca fabulosa, e centros importantes de aprendizado.

    Paz e prosperidade foram rompidas por distúrbios internos, contudo, importantes governantes locais competiram pelo poder, e através de ataques externos, ambos do norte Cristão e Norte da África Muçulmano. Pelo meio do 13º século, Espanha Muçulmana foi reduzida para um único reino centrado em Granada. Os reinos Cristãos do norte corroeram gradualmente ao poder muçulmano, todavia o esforço deles era freqüentemente dissipado quando eles lutavam entre si. Portugal dividiu-se e criou um reino separado. Granada Muçulmana sobreviveu durante vários séculos graças ao liberal tributo pago aos cristãos pelo seu norte e para uma inteligente diplomacia que jogou os inimigos deles uns contra os outros. Em 1469, porém, Isabel I de Castilha casou-se com Fernando II de Aragão, unindo os dois competidos Reinos Cristãos e pressagiando o fim da Espanha Muçulmana.

    Espanha dos Idade Média era um mundo de contrastes. Caracterizou as grandes vantagens de uma sociedade multi-étnica, enquanto fundia influências latinas, judias, Cristãs, árabes, e muçulmanas em uma cultura única e rica. Porém, ao mesmo tempo, muitas destas mesmas forças culturais colidiram violentamente. Quando duas culturas diferentes colidiam, o resultado era sempre terrível. A reconquista arrastou-se durante oito séculos, refletindo as Cruzadas na terra santa e criando uma atmosfera que se tornou crescentemente impiedosa e intolerante. Os guerreiros Cristãos que eventualmente expeliram os muçulmanos ganhavam uma reputação por estar entre os melhores lutadores na Europa.

    Granada caiu às forças de Aragão e Castilha ao começo de 1492, um ano momentoso, sobre o patronato da Rainha Isabel, Cristóvão Colombo subseqüentemente descobrira para os Europeus os grandes continentes do Mundo Novo e as populações nativas deles.

Unidades Únicas:

* Conquistador: É um handcannoner montado em um cavalo. É mais caro que um handcannoner e tem menos alcance mas possui mais pontos de vida, e velocidade. O custo é 60 alimento e 70 ouro.

Uma unidade de pólvora montada
Custo: 60 alimento, 70 ouro.
Criado em: Castle
Forte contra: swordsman, Monks Fraco contra: knights, camels, pikemen
Upgrades: Armaduras de arqueiro, Bloodlines, Husbandry
Pontos de vida: 55 (Elite Conq. 70)
Armadura: 2/2
Ataque: 16 (18 Elite Conq.)
Alcance: 6 (mas eles são quase tão imprecisos como os Hand Cannoneers)
Movimentação: rápido
Upgrade para Elite Conquistador: 1000 alimento, 500 ouro.

O Missionary

* Missionary: É um monk montado em um cavalo. Disponível no monastério após um castelo ser construído. Move-se mais rápido e possui mais pontos de vida do que um monk, mas tem curto alcance e não pode pegar relíquias.
Uma unidade montada tipo-Monk.

Criado em: Monastério uma vez que você esteja na Castle
Forte contra: coisas lentas
Fraco contra: coisas rápidas, particularmente Lt. Cav. e Eagle Warriors
Upgrades: Aplicam-se todos os upgrades do monastério
Pontos de vida: 45
Armadura: 0/0
Custo: 100 ouro
Ataque: Conversão
Alcance: 7 (base)
Movimentação: Rápido
Missionários, ao contrário de todas as outras Unidades Únicas, NÃO PODE ser pesquisado para Elite. Não podem pegar relíquias. Note que eles são considerados Monks por causa dos upgrades, não cavalaria. Portanto, Bloodlines NÃO se aplica

Bonus da Civilização:

*Constroem seus edifícios 30% mais rápido, exceto quando construindo Monumentos.
*Todos os upgrades do Blacksmith não requerem nenhum ouro (continuam custando alimento entretanto).
*Balas de canhão atiradas dos Cannon Galleons viajam mais rápido através do ar, e beneficiam-se da tecnologia de balistics.

Bonus de Equipe:

*33% de Trade profit. (Trade Cart, Trade Cog retornam com 33%+ ouro)

Tecnologia Única:
Supremacy

*Isso fará seus aldeões "super-fortes", com mais ataque, armadura e pontos de vida. Estatísticas similares aos long swordsmen.
Custo 400 alimento, 250 ouro.

Aldeões espanhóis com Loom e Supremacy tem: 80 pontos de vida, Ataque 9, Armadura 3/3.

Impressões e análise:

    Os Espanhóis são uma civilização generalista. Possuem uma boa seleção de unidades para utilizar. Devido aos seus únicos bônus econômicos serem o da troca (comércio) e o de não precisar ouro nas tecnologias do blacksmith eles são muito lentos. São os mais vulneráveis na Castle Age por causa de sua fraca economia e a falta de crossbowman.
    Os Espanhóis são similares aos Turcos. Na Imperial Age tornam-se extremamente poderosos. Possuem paladins e champions com upgrades baratos do blacksmith e possuem todas as unidades de pólvora. Mesmo com o blacksmith livre de ouro e o trade profit aumentado ajudando-os a obter ouro, ainda assim eles são extremamente dependentes de ouro. Seus paladins e suas Unidades Únicas custarão uma cacetada de ouro. São uma poderosa civilização naval e possuem umas das melhores cannon galleys do jogo.




VENHA JOGAR ON-LINE COM CENTENAS DE PESSOAS
SUPORTE 24 HORAS



 

Para jogar, basta acessar o mIRC ou copiar um dos IP´s anunciados no mIRC, abrir o jogo, clicar em "Multiplayer", "Conexão TCP/IP com a Internet para DirectPLay", "Show Games", coloca o IP e pronto.

Não ta conseguindo jogar On-Line? Resolva com esse SUPER-TUTORIAL!

Baixe o mIRC | Acesse pelo site


Voltar para o inicio da página
Pesquise em nosso site:
         Sites Amigos

Age of Empires III
Conheça o Site Brasileiro de Age of Empires III



AgeMania

Conheça o melhor Site Brasileiro de Age of Empires






Coloque um WebChat da rede AgeMania em seu site ou do seu clan!

Escolha uma Sala
(centenas de jogadores)



Problemas pra Jogar?
Clique e resolva!

Sites do Grupo: | Clash of Clans | Clash Royale | AgeMania | Age of Empires III | © 2008 ageofempires2.com.br . Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento: Ronny Martins | Design: EME Agência
Nossa rede no IRC: /server irc.agemania.com.br  Nosso Canal: #Age_of_Empires_2
download age of empires, download age of empires 2 full, download age of empires 3, download age of empires full